OEsquema

Arquivo: bruno natal

“A minha teimosia é uma arma pra te conquistar”: Tábua de Esmeralda ao vivo?

Um presente para quem só viu show do Ben com guitarra

O lance do Queremos que o Bruno organizou com seus compadres lá no Rio deu tão certo que até o Fantástico quis entender como funciona a parada:

Juntos e com a galera, eles enfileiraram shows do Miike Snow, do Belle & Sebastian, do Mayer Hawthorne, do Two Door Cinema Club e agora esperam a chegada do LCD Soundsystem e do Vampire Weekend, em fevereiro. É mais show internacional de médio porte em menos de seis meses do que o Rio havia recebido nos últimos dois anos. E tudo no esquema do crowdsourcing.

Acompanho a idéia desde que ela era um embrião e nunca havia me manifestado sobre a mesma por aqui pra não parecer que eu tou só querendo encher a bola do meu sócio nOEsquema. Fora que trabalho se mostra com trabalho – preferi ver a fagulha ideal se concretizar do que ficar naquela torcida “vai-aê-galera” típica da nossa cultura, que transforma tudo numa torcida fake.

Fora que sempre pilhava o Bruno: “Faz algo nacional, não fica só pegando aba de banda gringa que já vem pra São Paulo”. E ele: “Eu sei, eu sei, só tamos começando” antes de passar alguns minutos todo o dia explicando o que estava aprendendo ao ter que lidar com shows. Nunca falei isso pra ele, mas com certeza o Bruno e o resto dos Queremos tão pegando um curso de produção de eventos intensivaço – e na unha.

Até que, em outubro do ano passado, ele começou algo que não tinha nada a ver com bandas estrangeiras tocando no Circo Voador: criou uma página no Facebook pra conseguir reunir gente disposta a assistir o Jorge Ben tocando seu melhor disco, o Tábua de Esmeraldas, ao vivo. Pedi pra ele contar a história toda:

“Tábua de Esmeralda é o meu disco favorito, de todos os tempos. Como sempre quis muito ouvi-lo ao vivo, no violão, instrumento que Jorge redefiniu, fiz a página no Facebook pra juntar gente e ver se chegava num volume relevante. O Felipe deu a
ideia de convidar artistas pra dar depoimentos, o que acabou dando uma função pra página – e atraiu os olhares. Por uma impossibilidade física, mesmo o Pelé estando vivo, nunca seria possível vê-lo jogar, pela idade.

No caso do Jorge tocando violão, o tempo não é uma questão. Se ele quiser, é só ele tocar. A carreira dele andou, Jorge decidiu explorar (e subverter) a guitarra e, talvez, voltar ao violão
possa parecer um retrocesso. Entendo isso. Mas, se fosse pra tocar apenas uma vez, seria um presente para duas ou três gerações de fãs que não tiveram a chance de vê-lo tocar violão.

A ideia da “campanha” não é pressionar o Jorge a fazer nada que não queira, apenas sinalizar que o disco é uma influência muito grande até hoje e seria um prazer muito grande poder ouvi-lo ao vivo como foi gravado. Se ele quiser fazer, sensacional! Se não quiser, fica a homenagem. O que nã dava era pra nao deixar uma ideia dessas passar depois de tudo que temos conseguido realizar com o Queremos”

E entre os nomes que já deram o ar de sua graça a campanha estão o Lucas:

A Nina:

O BNegão:

A Pitty:

O Curuma:

O Emicida:

E mais gente da Nação Zumbi, dos Móveis Coloniais de Acaju, do Do Amor, do Mombojó, entre outros grandes nomes da atual música brasileira.

Mas o negócio começou a deixar de ser uma vontade pra relar na superfície no meio de janeiro, quando ninguém menos que o próprio homem retuitou:

E depois, de novo:

Mas onde seria esse show? Em quantas cidades? Sei que a idéia de ter um show exclusivo é tentadora, mas se o conceito por trás da campanha é satisfazer a gana de diferentes gerações mais novas, Jorge Ben tem uma turnê que passa pelas (dez? Doze?) principais cidades do Brasil, com mais de uma data por cidade, shows lotados, facinho. Nem conversei com o Bruno sobre isso, porque eu sei como o bicho é pilhado e já ia ficar pirando sozinho. Deixa, Bruno, tou só pensando alto.

O link da página do Facebook é esse: curte lá, se você curte a idéia.

12 Comentários

“A palavra do dia é HEGEMONIA”

Bruno comentou o post que republiquei mais cedo recomendando a leitura de dois textos. “A crise no Rio e o pastiche midiático”, de Luiz Eduardo Soares, e “Violência no Rio: a farsa e a geopolítica do crime”, de José Claudio Souza Alves. A foto é do Uol.

Comente

Direto de 1989: Debbie Gibson

Ah, a dance music… E a paradinha no fim do refrão, virando o rosto pros lados dez anos antes da Britney? O Bruno desenterrou a Debbie Gibson sabe-se lá por qual motivo. E enquanto o revival dos anos 90 não cola, vamos beirando, um ano antes. Essa é pras meninas:

1 Comentário

Rio Fanzine e Transcultura

O Bruno também fala da importância do Rio Fanzine e faz a conexão com a coluna que sucede, em espírito, a recém-falecida página de Tom e Calbuque. Apesar de não mais escrever, os dois coordenam a edição da página TransCultura, que circula às sextas, no Segundo Caderno dO Globo, em que o próprio Bruno colabora. Dá uma sacada aqui.

Comente

Exit Through the Gift Shop, por Bruno Natal

O Bruno viu o filme do Banksy na gringa mesmo, quando ele foi lançado lá fora – e resenhou o filme sem ter medo de spoiler – por isso se você não quer enfrentar o filme mas quer entender o assunto, confere lá no URBe, que ele explica tintim por tintim.

Comente

O novo do Danny Boyle

Cova Rasa, Trainspotting, Por Uma Vida Menos Ordinária, A Praia, Extermínio, Caiu do Céu, Sunshine e Quem Quer Ser um Milionário? – cada filme de Danny Boyle é uma experiência diferente, um gênero inesperado e uma paranóia particular. Seu novo filme, 127 Horas, traz James Franco fazendo o papel de Aron Ralston, que ficou preso ao escalar montanhas nos EUA e teve de fazer um sacrifício para sair. O Bruno conta mais do filme do que eu, vê lá.

Comente

Miike Snow na marra!

Tou pra falar disso há um tempão aqui (muita gente já deve inclusive saber), mas vocês viram como o Bruno, o Pedro e outros chapas fizeram pra trazer o show do Miike Snow pro Rio?

O Miike Snow queria tocar no Rio. Porém, o show não era confirmado porque ninguém quis arriscar pagar o custos da banda, um cachê de US$ 8 mil + 12 passagens RJ-SP, R$ 2.980 de hospedagem, alimentação e transporte, totalizando, com o dólar no valor de hoje, um valor arredondado de R$ 20 mil*.

Procuramos a produção do Circo Voador e propusemos pagar os custos da banda se eles assumissem os custos da casa (limpeza, segurança, funcionários, aluguel de equipamentos) e dividíssemos o valor do ingresso depois de descontar 5% da bilheteria relativo ao ECAD. Eles toparam.

O Bruno conta toda história aqui.

Comente

Top 75 – 30 de agosto de 2010

E a capa do Top 75 desta semana é do sócio-compadre-broder-irmão-caçula Bruno Natal.

  1. Soko – “I’ll Never Love You More
  2. Lulina – “Argumentos
  3. John Cale – “Fear is the Man’s Best Friend
  4. Pomplamoose – “September
  5. The Bird and The Bee – “I Can’t Go For That (No Can Do)
  6. Supercordas – “Índico de Estrelas
  7. Arnaldo Baptista – “Eu Não Estou Nem Aí
  8. Yo La Tengo – “Periodically Double Or Triple
  9. Tulipa Ruiz & Marcelo Jeneci – “Dia a Dia, Lado a Lado
  10. Xx – “Shelter (DJ Cremoso Remix)
  11. Mombojó – “Papapa
  12. Apples in Stereo – “Dance Floor
  13. Julian Casablancas – “I’ll Try Anything
  14. Lily Allen – “Everybody’s Changing
  15. Lissie – “Hello
  16. Of Montreal – “I’m So Tired
  17. Pavement – “Father to a Sister of Thought
  18. Céu – “Visgo da Jaca
  19. Autotune the News – “Double Rainbow
  20. Jamie Lidell – “I Wanna Be Your Telephone
  21. Gnarls Barkley – “Going On
  22. Nina Becker – “Toc Toc
  23. Darwin Deez – “Up in the Clouds
  24. Music Go Music – “Warm in the Shadows
  25. Tulipa Ruiz – “Brocal Dourado
  26. Pato Fu – “Todos Estão Surdos
  27. Smash Mouth – “Walking in the Sun
  28. Breakbot + Irfane – “Baby I’m Yours
  29. Cee-lo Green – “Fuck You
  30. Mayer Hawthorne – “Your Easy Lovin’ Ain’t Pleasin’ Nothin’
  31. Northbrook Garage – “She Ain’t No Child No More
  32. Miike Snow – “Billie Holiday
  33. Cut Copy – “It’s Working
  34. Scissor Sisters – “Invisible Light
  35. Franz Ferdinand + Marion Cotillard – “The Eyes of Mars
  36. Phoenix – “If I Ever Feel Better
  37. M.I.A. – “XXXO
  38. N*E*R*D + Nelly Furtado – “Hot N Fun
  39. Bombay Bicycle Club – “Always Like This
  40. Wale – “Freaks (Bird Peterson Remix)
  41. Chromeo – “Don’t Turn the Lights On
  42. Two Door Cinema Club – “Something Good Can Work (Twelves Remix)
  43. Of Montreal – “Rapture Rapes the Muses
  44. Late of the Pier – “Best in Class (Soulwax Remix)
  45. Ratatat – “Drugs
  46. Yeasayer – “O.N.E.
  47. 80 Kidz + Lovefoxxx – “Spoiled Boy
  48. Miami Horror – “Sometimes (Bo$$ in Drama Remix)
  49. Xx – “VCR (Baile Funk Remix)
  50. Time – “Get it Up
  51. Do Amor – “Chalé
  52. Superchunk – “In Between Days
  53. Curumin – “Japan Pop Show
  54. Beck – “Need You Tonight
  55. Paul McCartney- “Check My Machine
  56. Curtis Mayfield – “Move on Up
  57. Pacific! – “Hot Lips
  58. Black Keys – “Tighten Up
  59. Jamaica – “Short and Entertaining
  60. Astrud Gilberto – “Beginnings
  61. Arnaldo Baptista – “Será Que Eu Vou Virar Bolor?
  62. Siba + Cidadão Instigado – “Deus é uma Viagem
  63. Cat Power – “Sea of Love
  64. Radiohead – “Gagging Order
  65. Anna Scouten – “Blood Bank
  66. Lou Barlow – “On Fire
  67. Jeff Mangum – “Oh Comely
  68. Paulo Moura + Wagner Tiso – “Doce de Coco
  69. Thom Yorke – “Give Up the Ghost
  70. National – “Bloodbuzz Ohio
  71. New Order – “Sister Ray
  72. Pharoah Sanders – “The Creator Has a Master Plan
  73. Pink Floyd – “Interstellar Overdrive
  74. Weezer – “The Good Life
  75. Edith Piaf – “Non, Je ne Regrette Rien
2 Comentários

Dois anos dOEsquema

No dia 08.08.08, eu, Bruno, Mini e Arnaldo fundamos OEsquema. Pode ir dando os parabéns. E as novidades virão em breve, guentaê.

11 Comentários

On the run 76: Rory Philips Post Punk Party Mix Recorded Live at Trash 2006

Outro dia o Bruno linkou um set que o Rory Philips fez de um dos meus gêneros musicais favoritos, o pós-punk, tocado apenas em vinil numa Trash de 2006. Achei de bom relinká-lo por aqui.

Post Punk Party Mix Recorded Live at Trash 17/05/06 (MP3)

Delta 5 ‘You’ (Rough Trade)
Kleenex ‘U’ (Rough Trade)
Girls At Our Best ‘Go For Gold’ (Happy Birthday)
Restricted Code ‘Pleased To Meet You’ (Pop Aural)
Mo-Dettes ‘White Mice’ (Mode)
Glaxo Babies ‘Limited Entertainment’ (Y)
Bush Tetras ‘Boom!’ (ROIR)
A Certain Ratio ‘Shack Up’ (Factory)
Maximum Joy ‘Stretch’ (Y)
Medium Medium ‘So Hungry So Angry’ (Cherry Red)
Liquid Liquid ‘Optimo’ (99)
Mouth ‘Who’s Hot’ (Y)
Fire Engines ‘Candyskin’ (Pop Aural)
The Monochrome Set ‘He’s Frank’ (Rough Trade)
Come On ‘Don’t Walk On The Kitchen Floor’ (Come On)
ESG ‘My Love For You’ (99)
James White & The Blacks ‘Contort Yourself’ (Ze)
Glaxo Babies ‘Shake’ (Y)
The Tesco Bombers ‘You Break The Ice At Parties’ (Y)
The Red Crayola ‘Born In Flames’ (Rough Trade)

Comente
Página 8 de 18« Primeira...456789101112...Última »